Digital clock

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Índia testa míssil nuclear com 3.000 quilômetros de alcance

Notícias Gospel Índia testa míssil nuclear com 3.000 quilômetros de alcance | Noticia Evangélica Gospel
A Índia testou nesta quarta-feira com sucesso na região litorânea de Orissa o míssil terra-terra Agni-IV, que tem um alcance de mais de 3.000 quilômetros e capacidade nuclear, segundo informou à Agência Efe uma fonte oficial.
O míssil foi testado, pela terceira vez, nas instalações que a Organização para o Desenvolvimento e Pesquisa da Defesa (DRDO) da Índia tem nas proximidades da cidade de Dhamra, no distrito de Bhadrak.
''O teste foi bem-sucedido e foi estipulada com o alcance máximo do míssil, que atingiu o objetivo com grande precisão'', disse à Efe o representante do DRDO, Ravi Kumar Gupta.
O Agni-IV (''fogo'' em sânscrito) é uma versão modificada do Agni-II, pesa 16 toneladas e conta com capacidade para transportar 1.000 quilos de carga explosiva.
''Sua tecnologia é muito superior às versões anteriores do míssil, tanto em termos de manejo, como de tecnologia e alcance'', acrescentou Gupta.
Esse míssil pode ser lançado de plataformas de lançamento ferroviárias ou de estradas, com um tempo de preparação para o disparo de quinze minutos.
A Índia mantém há anos uma corrida armamentista com seu rival e vizinho Paquistão, que também possui armas nucleares.
Para o futuro, a Índia pretende testar o míssil Agni-V, com alcance de 5.000 quilômetros.

Especialistas refutam papiro que diz que Jesus tinha uma esposa

Especialistas refutam papiro que diz que Jesus tinha uma esposa
O papiro que mostra uma frase onde Jesus diz “minha esposa” foi divulgado esta semana por pesquisadores da Universidade de Havard levantando mais uma polêmica sobre a vida de Jesus.

Mas para estudiosos e especialista, o achado datado do século 2 d.C. pode ser um pedaço de mais um dos evangelhos gnósticos que tinham como objetivo desacreditar as pessoas dos fatos apresentados na Bíblia.

Entre as pessoas que se posicionaram contra esse achado está o reverendo Augustus Nicodemus Lopes, da Igreja Presbiteriana, que usou seu blog para se manifestar sobre a reportagem.

Ele explica que no século II muitos evangelhos apócrifos apareceram com histórias fantasiosas sobre Jesus e para o chanceler do Mackenzie o papiro apresentado pela pesquisadora Karen King é mais um deles.

“Qual, então, o valor real de um fragmento de 9 linhas supostamente do séc. II sugerindo que Jesus tinha uma esposa, se comparado com os 5 mil manuscritos do Novo Testamento, datados do séc. II em diante, e que omitem qualquer referência ao fato?”, questiona Nicodemus.

Mesmo sem ser um líder religioso o jornalista Reinaldo Azevedo também comentou sobre o papiro em sua coluna no site da revista Veja, colocando em xeque as intenções da pesquisadora americana que é militante agnóstica que acredita em um possível relacionamento entre Jesus e Maria Madalena.

“É realmente uma sorte grande, não é mesmo?” diz o jornalista se referindo ao fato de King encontrar um pedaço de papiro que vai ao encontro de suas pesquisas e militância acadêmica.

O Evangelho da Mulher de Jesus

King batizou o achado de he Gospel of Jesus’s Wife (O Evangelho da Mulher de Jesus, em tradução livre) publicando um artigo sobre ele no site da Havard. Das oito linhas escritas em copta apenas dois trechos é legível. O primeiro diz: “Jesus disse a eles: ‘Minha mulher’”, e o segundo afirma que “Ela estará preparada para ser minha discípula”.

Para o grupo de teólogos da Casa Publicadora das Assembleias de Deus o tal papiro trata-se de mais uma “fraude agnóstica”, em uma matéria publicada no site da CPAD eles explicam outras tentativas de tentar desacreditar na divindade de Cristo comentando sobre outros evangelhos que foram rejeitados desde a Igreja Primitiva.

“O papiro em evidência hoje é só mais uma tentativa da velha militância do liberalismo teológico de tentar seduzir as pessoas incautas a não crerem no que a Bíblia diz. Felizmente, será em vão, mais uma vez”, diz trecho do texto.

Infográfico da Folha.com



Fonte: Gospel Prime

Blackout: jovens cristãos fazem apagão em jejum pró-igreja perseguida e arrecadam doações para vítimas

Blackout: jovens cristãos fazem apagão em jejum pró-igreja perseguida e arrecadam doações para vítimas
Uma iniciativa de jovens irlandeses e britânicos associados da missão Portas Abertas Jovem, promoverá um jejum diferente em favor da igreja perseguida.
A campanha chamada Blackout (apagão, em inglês), tem o slogan “Make a big noise by keeping quiet”, que transmite a ideia de “fazer um grande barulho através do silêncio”.
Os jovens cristãos, arrecadarão doações em dinheiro durante 48 horas, entre os dias 2 e 4 de novembro. Os participantes da campanha deverão se manter em “silêncio”, abstendo-se das redes sociais, celulares, jogos, TV, alimentos e diálogos, num gesto simbólico do isolamento vivido por cristãos em diversos países.
O porta-voz da Portas Abertas Jovem, Jonny Goodchild, afirmou ao Christian Today que a campanha é a “maneira de levar a igreja perseguida à geração de hoje, uma mídia social. identificação com o movimento de censura e restrição colocada na igreja perseguida”.
Em 2011, o mesmo evento arrecadou £ 30 mil, o equivalente a R$ 105 mil na cotação atual. O valor foi destinado para auxílio a crianças vítimas da perseguição religiosa.
A campanha tem tentando envolver o maior número de pessoas ligadas ao cristianismo em geral. Um dos participantes, o blogueiro e integrante da Aliança Evangélica Krish Kandiah, declarou que “muitas vezes não temos em mente o que acontece com a igreja perseguida. Esta é uma oportunidade para dar atenção a este importante desafio. Eu estou ansioso para entender mais sobre os nossos irmãos e irmãs que experimentam a perseguição por causa do Evangelho em todo o mundo”.

Útero é transplantado de mãe para filha pela primeira vez no mundo

Notícias Gospel Útero é transplantado de mãe para filha pela primeira vez no mundo | Noticia Evangélica Gospel
O primeiro transplante de útero de mãe para filha foi realizado no último fim de semana na Suécia. O procedimento duplo, anuciado pela Universidade de Gotemburgo, foi realizado em duas famílias: duas jovens suecas receberam o útero de suas respectivas mães. As pacientes passam bem, e as cirurgias ocorreram sem complicações. A identidade das mulheres não foi revelada.
De acordo com o comunicado emitido pela Universidade de Gotemburgo, uma das mulheres retirou o útero depois de um tratamento contra um câncer de cólon do útero. A outra já havia nascido sem o órgão. Ambas têm cerca de 30 anos. "Mais de dez cirurgiões participaram das operações que transcorreram sem complicações. As mulheres que receberam o útero estão bem, mas cansadas depois da intervenção", disse Mats Brannstrom, professor de ginecologia da universidade e diretor da equipe de pesquisas. "As mães que doaram seus úteros já estão caminhando, e poderão voltar para casa em alguns dias."
As jovens receptoras deverão esperar um ano antes de poder iniciar uma gravidez, por meio de fecundação in vitro. "Só saberemos se foi um transplante bem sucedido em 2014", data em que as jovens poderão dar à luz na melhor das hipóteses, segundo o especialista. Brannstrom não quis especular sobre as possibilidades que as duas mulheres têm de engravidar. Em casos normais, segundo ele, a possibilidade de dar à luz através de uma fecundação in vitro é de 25 a 30%.
Os úteros implantados serão retirados quando as mulheres tiverem um máximo de duas crianças, para que possam suspender o tratamento contra a rejeição do órgão. De acordo com outro médico da equipe, Michael Olausson, o risco de rejeição do útero será, a princípio, o mesmo de que qualquer outro órgão — em torno de 20%.
Seleção
As duas jovens foram selecionadas ao final de um longo procedimento, que permitiu garantir que elas e seus maridos eram férteis. Suas respectivas mães foram escolhidas como doadoras, dada a "vantagem teórica" que apresentam por ser familiares, indicou o professor Olausson. "Seus úteros demonstraram que funcionavam e eram capazes de ter um bebê."
Uma das duas transplantadas, identificada apenas pelo nome de Anna, disse que sabia que alguns poderiam criticar a operação por razões éticas. Para ela, no entanto, o procedimento significava simplesmente restaurar uma função corporal, da qual ela tinha sido privada pelo câncer. "É uma sensação incrível ser capaz de experimentar isso", disse em comentários postados no site do hospital Sahlgrenska, onde as operações foram realizadas.
Novos casos
Outras duas mulheres deverão ser submetidas a um transplante de útero na Suécia. A equipe médica indicou que estas duas novas pacientes não chegam aos 30 anos e que as possibilidades de êxito de uma fecundação in vitro são maiores quando as pacientes são jovens.
A equipe de pesquisa do professor Brannstrom, que conta com 20 pessoas, trabalha neste projeto desde 1999. Anteriormente, eles já haviam realizado com sucesso transplantes de úteros em animais, como ratos e macacos.
Os transplantes de útero, cujo primeiro êxito foi obtido na Turquia em 2011, são polêmicos, já que envolvem doadoras vivas. Em um primeiro momento, o Conselho de Ética da Suécia bloqueou as intervenções, mas finalmente deu sua autorização em maio, na condição de que um comitê especial controle as operações.

Pastor Youcef Nadarkhani agradece a Deus e aos irmãos de todo o mundo

Notícias Gospel Pastor Youcef Nadarkhani agradece a Deus e aos irmãos de todo o mundo | Noticia Evangélica Gospel
Youcef Nadarkhani, o pastor iraniano que foi recentemente libertado da prisão, escreveu uma carta de agradecimento ao mundo pelas orações que foram erguidas em seu nome.
Na carta agradecendo, o pastor diz: "Eu sou especialmente grato por sua bondade e proteção divina que caracteriza o tempo de minha prisão".
Youcef foi preso por três anos e foi libertado em 8 de setembro. O pastor foi absolvido da acusação de apostasia que pesava contra ele.
O pastor acrescenta que agradece a todos que por todo o mundo o apoiaram aberta ou secretamente, pedindo a benção de Deus sobre essas pessoas. "Os amados são todos muito querido para o meu coração. Que Deus os abençõe e lhe dê a graça perfeita e soberana", diz Nadarkhani em sua carta.
O pastor iraniano disse que foi posto à prova, mas que em todo o seu tempo na prisão, ele viu a mão do Senhor que em tudo o apoiou.
“Na verdade, tenho sido posto à prova, que é prova de fé, segundo nos informa as Escrituras mais preciosas do que o ouro perecível”. O pastor comenta que em nenhum momento se sentiu sozinho, e que estava consciente do fato de que não era uma batalha solitária, porque sentia a todo momento a energia do apoio das pessoas que com consciência lutou para a promoção da justiça e dos direitos de todos os seres humanos.
“Graças a estes esforços, agora eu tenho a grande alegria de estar com minha esposa maravilhosa e meus filhos. Sou grato a essas pessoas através do qual Deus está trabalhando. Tudo isso muito nos encoraja a continuar”, disse ele.
De acordo com publicação CBN, Youcef comentou que durante período na prisão ele foi capaz de experimentar escritura de maneira “tão maravilhosa” que disse. “De fato, como os sofrimentos de Cristo são abundantes para nós, a nossa respiração abunda por meio de Cristo”. Ele afirma que o encheu de forças naquele momento. "Deus não nos permite prova além de nossa força ( … )”.
Apesar de ter sido considerado culpado de apostasia, segundo determina a Lei da Sharia, ele agradece a Deus por ter concedido aos líderes do país, a sabedoria para romper a decisão, buscando dentro da própria Lei islâmica argumentos para a minha libertação.
“Ficou evidente que os defensores iranianos dos direitos humanos e juristas têm feito esforços significativos para cumprir a lei e o direito. Eu quero agradecer a todos aqueles que defenderam a minha causa até o fim”.
Ao finalizar a carta, Youcef agradeceu mais uma vez as pessoas que lutaram para que os direitos humanos fossem cumpridos no seu caso e que esta em dívida com aqueles que têm fidelidade com a Palavra de Deus, “essa Palavra faz-nos herdeiros de Deus”.
“Ele conclui em sua carta de agradecimento a Deus e aos cristãos que oraram por ele durante três anos em que esteve na prisão dizendo: “Eu estou fazendo orações a Deus para o estabelecimento de uma paz universal e infinita, e que a vontade do Pai se estabeleça na Terra como no Céu. Na verdade, tudo passa, mas a palavra de Deus, fonte de toda a paz, vai durar para sempre”.

Milhares de cristãos são levados a campos de concentração na Coreia do Norte

Notícias Gospel Milhares de cristãos são levados a campos de concentração na Coreia do Norte | Noticia Evangélica Gospel
Visto facilmente através de imagens de satélite, mas fortemente negado pelo governo, os campos de concentração norte-coreanos carregam o horror das prisões e torturas da época do Holocausto. Um livro, lançado no início desse mês, traça o perfil de Shin Dong-Hyuk, único homem que conseguiu escapar de um campo classificado como "zona de controle total". Depois de passar algumas semanas na lista dos mais vendidos, Escape from Camp 14 (Escapei do Campo 14, tradução livre) chamou a atenção internacional para a Coreia do Norte.
O país, frequentemente, enfrenta críticas de organizações de direitos humanos. A Portas Abertas EUA destaca a terrível situação em que vivem os crentes da Coreia do Norte: a isolada nação asiática ocupa a posição número um na Classificação de Países por Perseguição de 2012; de uma compilação de 50 países onde os crentes enfrentam mais perseguição religiosa. Estima-se um número entre quarenta e setenta mil cristãos que sofrem em campos de zona de controle total, onde as pessoas rotuladas como "pensadores errados" são enviadas para morrer.
Shin Dong-hyuk nasceu neste mesmo tipo de campo, em 1982. Em seu livro, ele admite que denunciou sua mãe e irmão aos guardas da prisão porque eles planejaram fugir sem ele. Como resultado, eles foram pendurados na frente de Shin e outros prisioneiros; ele próprio também foi torturado, como punição por seu "crime".
Shin disse ao jornalista americano Blaine Harden, autor de Escape from Camp 14, que ele “queria que as pessoas soubessem qual é o tipo de criança que vive nesses campos: extremamente leal aos guardas; que faria qualquer coisa para conseguir mais alimentos".
As condições nos campos de prisioneiros norte-coreanos são semelhantes aos campos sob o inesquecível regime de Hitler, Stalin e Mao. "Prisioneiros políticos" trabalham, essencialmente, até a morte; enquanto são submetidos a torturas físicas e psicológicas graves. A Portas Abertas revelou que a carga horária básica de trabalho são 18-20 horas por dia, com pouca ou nenhuma comida. Para complementar a ração que recebem para comer, os presos consumem qualquer coisa comestível, incluindo cobras, ratos, insetos, raízes e ervas.
Em abril, a Comissão Norte-Americana para os Direitos Humanos na Coreia do Norte lançou um relatório baseado em entrevistas com 60 ex-prisioneiros e guardas. O relatório de duzentas páginas descreve prisões localizadas principalmente nas regiões montanhosas do norte, rodeadas por arame farpado e cercas elétricas – cercas que Shin escalou na esperança de escapar, usando o corpo de seu melhor amigo como isolamento contra a corrente mortal.
Em 2009, a Coreia do Norte declarou ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas: "O termo ’preso político' não existe no vocabulário da DPRK (sigla em inglês que, traduzida, quer dizer República Democrática Popular da Coreia); acampamentos dos prisioneiros chamados ‘políticos’ não existem”. De acordo com o relatório de abril, ex-prisioneiros foram capazes de identificar seus locais de trabalho, áreas de execução e outros marcos usando imagens de satélite disponíveis no Google Earth.
Greg Scarlatoiu, diretor executivo do Comitê para os Direitos Humanos na Coreia do Norte, disse que, enquanto a Coreia do Norte tenta esconder as realidades terríveis de Pyongyang, mais de trinta mil desertores norte-coreanos fugiram do país.

Padre faz crianças lamberem seus joelhos em ritual de iniciação

Notícias Gospel Padre faz crianças lamberem seus joelhos em ritual de iniciação | Noticia Evangélica Gospel
Crianças polonesas são obrigadas a se submeter a uma espécie de trote quando ingressam no primeiro ano da escola salesianas, em Lubin, sul da Polônia. O autor do ritual de iniciação – no mínimo bizarro – é Marcin Kozyra, padre e diretor da escola.
Ele divide os alunos em grupos, meninos e meninas participam separadamente, e faz com que eles lambam uma espécie de creme, que pelas fotos parece ser chantili, posto em seus joelhos. Em suas mãos uma espécie de bastão levanta a suspeita de que as crianças eram também agredidas.
E o trote não para por aí, em outras imagens as crianças aparecem subindo uma escada com mãos e joelhos apoiados no chão. Essas imagens foram parar no site da escola, causaram a ira de órgãos defensores dos direitos das crianças e chamou a atenção do governo polonês, que classificou como extremamente preocupante a postura do padre e irá investigar o caso.
“Certamente os limites da decência e formas aceitáveis de contato com o corpo foram ultrapassados. Eu iniciei uma investigação e exigirei uma explicação de todos os evolvidos”, disse Marek Michalak, porta-voz do governo polonês para assuntos de infância, de acordo com o jornal britânico Daily Mail.
Ainda de acordo com o jornal, o sacerdote se defendeu, disse que o ritual de iniciação faz parte da tradição do colégio e é praticado há anos com o consentimento dos pais das crianças. Mas ao que parece, nem todos estavam cientes. Após a divulgação das fotos, em que Kozyra aparece de bermuda e com crianças em poses submissas à sua volta, muitos se manifestaram de forma contrária, exigindo explicações do colégio.

Perseguição resulta em demolição de Igreja Protestante em Moscou

Notícias Gospel Perseguição resulta em demolição de Igreja Protestante em Moscou | Noticia Evangélica Gospel
Marcada pelos anos de Guerra Fria, como ex-potência soviética; o governo da Rússia passou longos anos lutando contra o crescimento das Igrejas em seu território. Hoje, tanto tempo depois dos conflitos entre capitalistas e socialistas, o cristianismo continua sofrendo com visões preconceituosas e contrárias do Estado. A Chechênia, localizada ao sul do país, ocupa o 20º lugar na classificação de perseguição aos servos de Deus. "A Rússia precisa de paz"
No início da semana passada, cristãos russos sabiam exatamente o que a destruição da Igreja da Santíssima Trindade significaria para a liberdade religiosa na ex-União Soviética.
"Foi a primeira vez, desde a revolução de Lênin e Stalin, que uma igreja foi vandalizada e destruída", disse Wade Kusack, representante dos Ministérios da Rússia.  À luz dos recentes acontecimentos, surge um horizonte obscuro no país e o futuro parece opressivo.
"É um sinal", disse Kusack. "Este é um claro sinal de todos os outros grupos que detestam protestantes na Rússia."
A congregação da Igreja da Santíssima Trindade ainda se reuniu com seu pastor, no domingo, em adoração a Deus, perto das ruínas de sua antiga sede. Dois dias depois, funcionários do governo mantiveram o líder cristão sob custódia da polícia por três horas, e o interrogaram sobre a "reunião ilegal" que manteve com os demais irmãos.
"Reuniões não autorizadas são proibidas por lei e podem ser punidas com até quatro anos de prisão ou multas enormes, de até 15 mil dólares, relatou Kusack. "Ele também foi ameaçado caso não cancelasse os encontros de cristãos."
A polícia usou táticas de intimidação, dizendo ao pastor que, se os crentes se reunissem novamente, mais pessoas seriam presas e ele poderia enfrentar a prisão por tempo indeterminado. Oficiais usaram uma lei recente como base de suas ameaças, que afirma que reuniões ao "ar livre" não podem ser realizadas sem a permissão do governo.
"Eles alegam que o prédio não pertence mais à congregação", explicou Kusack. "A propriedade está destruída, e a igreja não pode cultuar mais lá. Eles chutaram os cristãos para fora; os colocaram na rua e disseram, 'Nós não os conhecemos, não gostamos de vocês’," disse o representante Wade Kusack.

Como os cristãos russos reagiram?

"Eles afirmaram que vão adorar a Deus independentemente das circunstâncias", disse Kusack. "Vamos ver o que vai acontecer no próximo domingo. Autoridades não têm arrependimentos sobre o ocorrido, e acho que vão ser mais duras com os cristãos."Peça a Deus pela proteção dos crentes que enfrentam ameaças e perseguições
De acordo com Kusack, a situação da Igreja da Santíssima Trindade resume a nova postura do governo em relação às Igrejas em toda a Rússia. Autoridades exigem que as congregações protestantes deixem certas áreas, mas quando essas tentam alugar um prédio em outro local, funcionários estatais negam suas solicitações. "Eles procuram empurrar as Igrejas para longe de grandes cidades, como Moscou", afirmou Kusack.
A igreja citada tem buscado a justiça através dos tribunais russos, mas não está otimista sobre os resultados. Ore em favor dos cristãos russos perseguidos e peça a Deus pelas autoridades russas. Acima de tudo, clame pela paz na Rússia. "A situação está ficando cada vez pior e as tensões estão crescendo", disse Kusack. "A Rússia precisa de paz."

Lei Exige Pagamento de direitos autorais sobre músicas executadas nas igrejas

Notícias Gospel Lei Exige Pagamento de direitos autorais sobre músicas executadas nas igrejas | Noticia Evangélica Gospel
De acordo com a Lei Federal 9.610/1998, é necessário obter permissão do proprietário antes de imprimir, arranjar, projetar ou reproduzir qualquer música. Logo, para utilizá-las da maneira correta, seria necessário entrar em contato com todos os proprietários das músicas utilizadas em sua igreja. Por esta razão, a CCLI (Christian Copyright Licencing, Inc) entidade que trabalha com o licenciamento de direitos autorais relacionados com igrejas e músicos cristãos criou a Licença de Direitos Autorais. Em outras palavras, músicas de artistas gospel, por exemplo, que são comumente executadas em igrejas  evangélicas devem ser taxadas, pois pertencem à quem as registrou.
Apesar de a CCLI já atuar no Brasil desde 2008, os questionamentos em torno de seu trabalho tomaram grandes proporções  depois que o bispo Walter McAlister, líder da Aliança das Igrejas Cristãs Nova Vida, trouxe a público seu descontentamento com uma carta da entidade que sua igreja recebeu alertando sobre a sua regularização quanto ao pagamento de direitos autorais, que deveria ser feito através da entidade. O mesmo diz compreender as questões autorais, mas questiona se as igrejas são instituições com fins lucrativas, pois, segundo ele, neste caso a cobrança seria justa:
"Igreja é um empreendimento com fins lucrativos? Não – segundo a definição do próprio Estado brasileiro. Ela goza de certos privilégios, na compreensão de que a sua atividade é religiosa, devota e piedosa e, sendo assim, sem fins lucrativos. Que muitos “lucram” em nome da Igreja ninguém duvida. Mas, em termos estritamente definidos pela legislação, não é um empreendimento que tenha como finalidade o lucro." ( Bispo Walter McAlister)
Gerou-se então uma grande polêmica a respeito do fato em que as igrejas terias que pagar para executar músicas dos chamados artistas gospel nos seus templos. Muitos defendem que as igrejas voltem a se restringir às músicas dos hinários harpa cristã e cantor cristão, que não são de artistas.
Nessa tabela A CCLI especifica valores que são cobrados pelos serviços de acordo com a quantidade de membros que as igrejas possuem:
Notícias Gospel Lei Exige Pagamento de direitos autorais sobre músicas executadas nas igrejas | Noticia Evangélica Gospel
A CCLI buscou esclarecer no seu site a situação, explicando que essa seria solução fácil e acessível para que as igrejas possam reproduzir, arranjar e gravar músicas do jeito certo e sem ter que se preocupar em obter uma autorização de uso de cada um dos autores das músicas utilizadas. Veja esse vídeo:

CCLI | Licença de Direitos Autorais

McAlister publicou também em sua página no Facebook uma cópia da carta recebida da CCLI, que informa que os valores a serem pagos pela entidade devem ser calculados pelo número de pessoas presentes regularmente no culto das igrejas:
Notícias Gospel Lei Exige Pagamento de direitos autorais sobre músicas executadas nas igrejas | Noticia Evangélica Gospel
Fonte: Gospel Mais e CCLI | Divulgação: Midia Gospel
Midia Gospel

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Menina de 7 anos contrai peste negra nos Estados Unidos

Notícias Gospel Menina de 7 anos contrai peste negra nos Estados Unidos | Noticia Evangélica Gospel
Uma menina de 7 anos foi diagnosticada com peste negra (também conhecida como bubônica) nos Estados Unidos. Segundo o site da CBS News, Sierra Jane Downing está se recuperando da doença em um hospital na cidade de Denver, no Colorado.
A criança começou a se sentir mal ao voltar de um acampamento. Os pais pensaram que se tratava de uma gripe, mas Sierra teve uma convulsão e foi levada ao hospital da cidade de Pagosa Springs imediatamente. A menina estava com febre de 40° C, e os médicos não tinham ideia do que ela tinha.
Sierra foi transferida para um hospital em Denver, onde os médicos descobriram que se tratava de um caso de peste bubônica. A médica Jennifer Snow desconfiou da doença porque havia lido há pouco tempo um artigo sobre o caso de um adolescente com sintomas semelhantes.
- Se ela tivesse ficado em casa, poderia ter morrido em 24 ou 48 horas por causa do choque da infecção - explicou a médica.
Nesta quarta-feira, os médicos disseram que Sierra deve ir para casa em uma semana. A menina está no hospital desde o dia 24 de agosto. A mãe dela, Darcy Downing, desconfia que a filha pegou a doença no acampamento, por mosquitos que estavam perto de um esquilo morto, que ela pretendia enterrar.
- Ela é uma lutadora - declarou a mãe.
Em 2006, quatro pessoas foram diagnosticadas com a doença no Colorado e em junho deste ano, um homem no estado do Oregon contraiu a peste negra. Paul Gaylord foi infectado ao ser mordido por um rato que estava na boca do gato dele. A doença foi responsável pela morte de um terço da população europeia no final da Idade Média.

Homem morre atropelado ao fingir ser o `pé-grande´ em rodovia dos EUA

Notícias Gospel Homem morre atropelado ao fingir ser o `pé-grande´ em rodovia dos EUA | Noticia Evangélica Gospel
Um homem de 44 anos morreu após ser atropelado em uma rodovia em Montana, nos Estados Unidos, enquanto vestia uma roupa de camuflagem que imita folhagem. Segundo a polícia, ele queria que as pessoas que passassem pelo local acreditassem que ele era o “pé-grande”, de acordo com a rede de TV "NBC".
O acidente aconteceu na noite de domingo (26). Segundo a polícia, as evidências levam a crer que Randy Lee Tenley estava no meio da rodovia.
Ele foi primeiro atingido por um carro dirigido por uma garota de 15 anos. Em seguida, um segundo carro o atropelou. De acordo com a polícia, devido à roupa camuflada, provavelmente os motoristas não o viram na pista.
Durante as investigações, a polícia descobriu por meio de amigos da vítima que Tenley fingia ser o “pé-grande”, e queria que as pessoas acreditassem ter visto a criatura. Entretanto, segundo a polícia, nenhuma ligação do tipo foi feita – apenas a notificação do acidente foi realizada.
A roupa usada pelo homem é normalmente utilizada por militares. Elas estão disponíveis para compra na internet e em lojas de caça.

Tempestade solar assusta o mundo, acreditam que é o apocalipse

Notícias Gospel Tempestade solar assusta o mundo, acreditam que é o apocalipse | Noticia Evangélica Gospel
Se você já viu o filme de 2012, vai se lembrar que, no início, um cientista descobre que a Terra será seriamente afetada por uma tempestade solar, parece que isso vai acontecer na realidade, após o anúncio do Congresso dos EUA, um apelo estranho foi feito a seus cidadãos. O objetivo é desenvolver um plano de emergência, antes de uma possível catástrofe devido a uma tempestade solar que acontecerá em 2013.
O Congresso dos EUA foi chamado para o desenvolvimento de um plano de emergência para estar pronto para enfrentar "a tempestade solar do século". Além disso, em uma resolução parlamentar, atualmente pendente, pediu as comunidades locais para equipar-se com os recursos necessários para abastecer a população com um mínimo de energia, alimentos e água.
Da mesma forma, a resolução destaca a importância da prevenção adequada contra este tipo de fenômeno por comunidades vizinhas, uma vez que requer a coordenação entre os diferentes atores.
O texto também cita diversos relatórios anteriores elaborados pela Protecção Civil dos EUA (FEMA), que fornece informações sobre como reagir a esses eventos, bem como os relatórios de regulador de energia elétrica dos EUA (NERC) e do Departamento de Segurança Interna do Governo Nacional.
Neste sentido, o observatório tem sugerido que, embora "com projeto muito menor," o Parlamento espanhol também tem há meses uma resolução pendente, proposta pelo PSOE, para evitar as consequências de uma tempestade solar extrema. Além disso, na Alemanha, França, Reino Unido e outros países europeus estão tomando "medidas importantes na linha de prevenção", observou. Este mês, a Nasa advertiu que, em 2013, o Sol chegará a um estágio de seu ciclo natural em que os grandes eventos, como as erupções e tempestades solares são mais prováveis.
Os primeiros danos causados em 1856
É realmente uma ameaça?, O que é e quais são os efeitos de um fenômeno deste tipo, será que estamos realmente diante de um possível apocalipse, como muitas pessoas pensam? "Em uma forma mais intensa, então ele pode resultar em falhas de comunicação e rede de energia", Ramón Luis Bellot, pesquisador do Conselho Nacional de Pesquisa (CSIC) também faz parte do Instituto de Astrofísica da Andaluzia.
Este evento causou danos primeiro na Inglaterra, em 1856. Richard Carrington, um astrônomo amador viu através do seu telescópio o que ele descreveu como "uma grande bola de fogo que se projetava do Sol". Consciente de seu achado, foi avisar uma testemunha que poderia comprovar o fato, mas quando ele voltou, as enormes erupções tinham desaparecido.
Dias depois, as auroras boreais eram visíveis a partir de cidades como Roma, Madrid, Havana ou as ilhas havaianas, latitudes um pouco estranhas, já que este tipo de fenômenos afetam áreas próximas aos pólos.
O sistema de telégrafo dos Estados Unidos e Grã-Bretanha teve o maior impacto e sofreu cortes que desabou a era da comunicação. É a maior tempestade geomagnética gravada na história.
Alemanha, França, Reino Unido criam plano de prevenção
Alguns países como a Alemanha, França e Reino Unido, além do governo dos EUA, estão a tomar medidas sobre o assunto. Até mesmo a Espanha se juntou a prevenção com uma proposta no Congresso do Partido Socialista para unificar protocolos de segurança europeus para "tecnologia de prevenção de derivados de fenômenos naturais" proposta após a publicação pela Extremadura ao recomendar 'orientações obrigatórias "para os cidadãos para saber o que fazer em caso de tempestade geomagnética severa.
Neste artigo, damos conselhos detalhados como a estocar comida para um mês por pessoa, como desenvolver um plano de família para onde ir em caso de que o fato viesse a ocorrer, também recomendo, deve "esfriar" de vez em quando e estender o kit de costume, com "gaze estéril abundante e iodo para desinfecção" ou "fita adesiva multiuso e pontos de americanos ou aproximação", entre outros.

Brasileiro é quem mais discute religião na internet móvel

Notícias Gospel Brasileiro é quem mais discute religião na internet móvel | Noticia Evangélica Gospel
O Brasil é o país que mais discute religião na internet móvel, apontou a pesquisa encomendada pela Intel.
A pesquisa que divulgou hábitos dos usuários de dispositivos móveis na rede em oito países: Estados Unidos, Australia, China (apenas adultos), França, Índia, Indonésia, Brasil e Japão, revelou que os brasileiros usam a internet no banheiro e discutem bastante nas redes sociais.
Do total dos entrevistados, 39% afirmaram que tratam do tema religião em celulares e tablets. Os australianos ficaram em segundo lugar, mas longe, com apenas 8%. Em seguida vieram os franceses (3%) e os japoneses (1%).
De acordo com o site Mundobit, a pesquisa revelou que os brasileiros também se destacam nas discussões sobre futebol e que têm grande participação nas redes sociais. Do total, 24% postam comentários durante os jogos.
Chamada de “Etiqueta Móvel”, a pesquisa mostrou que os brasileiros postam em qualquer horário e lugar. Do total, 16% afirmaram que acessam a internet no banheiro, 14% no cinema, 13% durante o namoro, 8% na igreja e 3% em funeral.
Um dos fatores revelados na pesquisa que chamou a atenção é o grande número de brasileiros que admitem ter uma personalidade diferente da vida real. Foram cerca de 33% dos adultos. Outros 23% disseram ter postados informações falsas.
A pesquisa foi conduzida online nos EUA em março e no resto dos países entre junho e agosto. Cerca de 2 mil pessoas – em cada país pesquisado – foram ouvidas.

Pastor Lucinho Barreto participa do programa Fala Malafaia

Notícias Gospel Pastor Lucinho Barreto participa do programa Fala Malafaia | Noticia Evangélica Gospel
No programa Fala Malafaia do último domingo (9) o pastor Silas Malafaia entrevistou o também pastor Lucinho Barreto que desenvolve o trabalho junto aos jovens há cerca de 20 anos.
Entre os assuntos abordados, os pastores comentaram sobre os jovens e adolescentes evangélicos, da forma como a sexualidade está presente dentro das igrejas e como os pais e líderes estão tendo dificuldades em se aproximar desses jovens para discípular.
Malafaia também falou sobre a foto polêmica em que o pastor da Igreja Batista da Lagoinha aparece cheirando a Bíblia como se fosse cocaína. Lucinho lidera o ministério Loucos por Jesus e tem viajado pelo país e pelo mundo ensinando os jovens e serem loucos por Jesus.
Uma de suas loucuras foi retratada na foto que gerou crítica entre os próprios cristãos e agitou as redes sociais nas últimas semanas. “O tipo de peixe que eu pesco requer de mim estratégias um pouco mais radicais”, se justificou o pastor. Lucinho também aproveitou a oportunidade para relatar como foi que ele pousou para essa fotografia.
Malafaia também comentou sua opinião sobre a polêmica: “Lucinho essa foto é muito forte!”. O pastor assembleiano acredita que as pessoas podem interpretar de formas diferentes a mensagem que ele tentou passar.
“Eu fiquei chocado”, disse Malafaia que não concordou com a foto. “Mas isso não tira o seu mérito e nem o seu objetivo”, disse o apresentador do programa que não descarta que a fotografia irá atingir os jovens.

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Pastor Yousef Nadarkhani será julgado dia 8 Setembro

Pastor Yousef Nadarkhani será julgado dia 8 Setembro
Pastor Yousef Nadarkhani tem nova data de julgamento para 8 de Setembro, nesta data a corte vai decidir a situação do pastor preso.
Clique aqui e mande seu apoio
O tribunal iraniano convocou o pastor Yousef Nadarkhani para um julgamento marcado para o dia 8 de setembro, nesta data a corte vai decidir a situação do pastor preso desde 2009 sob a acusação de apostasia, por ter deixado o Islã e se convertido ao cristianismo.
Com a pressão internacional, o governo do Irã começou a transmitir a informação de que na verdade Nadarkhani está preso por outros crimes, tentando assim tentar mudar a opinião pública que pede pela libertação do pastor.
É por essas novas acusações que o executivo do American Center for Law and Justice (ACLJ), Jordan Sekulow, se mostra preocupado com o futuro do iraniano. “O Irã tem tentado repetidamente confundir a comunidade internacional, alegando que o pastor Yousef é nada mais do que um criminoso comum. O que acontece é que se o Irã tiver sucesso mascarando o caso de Yousef, o mundo vai parar de gritar por sua libertação”, disse em entrevista ao The Christian Post.
 Pastor Yousef Nadarkhani será julgado dia 8 SetembroYousef Nadarkhani está preso há quase três anos, sendo condenado a morte por outros tribunais regionais, prisão contestada pelo conselheiro da ACLJ. “As próprias leis do Irã exigem que o Judiciário emita sua decisão por escrito no prazo de dez dias após a audiência, realizada em setembro de 2011. Sua incapacidade de fazê-lo significa o seu total desrespeito ao Estado de Direito”, explica.
Existe uma campanha na internet que mobiliza o mundo inteiro com apoio e pressão = Clique aqui  e confira
Pastor Cristão, o iraniano Nadarkhani foi acusado, condenado e sentenciado à morte por apostasia – por se tornar um cristão. Quando os oficiais iranianos exigiram que ele negasse sua fé em Jesus Cristo ou morte, ele respondeu: “Eu não posso.” Ele foi preso ilegalmente e separado de sua esposa e dois filhos desde 2009.
Após passar por prisões em 2006 e 2009, o pastor Yousef foi preso em junho de 2010 sob a acusação de apostasia, liderar igrejas domésticas e proselitismo a muçulmanos. Em setembro do mesmo ano foi condenado por um tribunal regional à morte por enforcamento. Por causa da pressão internacional, a sentença ainda não foi colocada em prática. O Jornal Nacional repercutiu o caso. Essa semana (28/08), Yousef foi novamente convocado ao tribunal

Pressão evangélica faz Renato Aragão desistir de filme, afirma jornalista

Notícias Gospel Pressão evangélica faz Renato Aragão desistir de filme, afirma jornalista | Noticia Evangélica Gospel
A polêmica e a falta de apoio da Sony Pictures fizeram com que o projeto do filme fosse adiado. O jornalista Lauro Jardim, do Radar On-line, escreveu nesta quinta-feira (30) em sua coluna no site da revista Veja, que Renato Aragão desistiu de prosseguir com o projeto do filme “O Segundo Filho de Deus”, filme que gerou muita polêmica entre os evangélicos. A polêmica aconteceu pelos pequenos detalhes do longa que foram divulgados dizendo que o ator seria um segundo filho de Deus que iria cumprir a missão que Jesus não teria conseguido. Renato Aragão chegou a dizer que o roteiro do filme não tinha como objetivo afetar a fé das pessoas de forma negativa, já que ele é católico, e que seu personagem seria um atrapalhado, assim como fora em seus outros filmes.
As críticas do público religioso na internet não foram os únicos fatores que fizeram com que o eterno Didi desistisse do projeto. Lauro Jardim garante que a além da repercussão ruim do projeto a falta de apoio da Sony Pictures também ajudou o ator da Globo de tomar a decisão de abandonar o projeto, pelo menos por enquanto.
A primeira notícia sobre o filme saiu na imprensa na última sexta-feira (24) anunciando a aprovação do orçamento que seria de R$ 8,1 milhão. A Focus Filmes, produtora do projeto, nega que a trama seja a divulgada na internet.
No site da Agência Nacional do Cinema (Ancine) encontramos o seguinte relato a cerca da obra:
“No retorno do personagem Didi ao cinema, após 5 anos, em seu 49º longa, as brincadeiras e trapalhadas de Didi dessa vez pontuam uma história dramática e de fundo espiritual, trazendo uma bela espontânea mensagem através da recriação da história de Jesus Cristo adaptada para o mundo de hoje.”

Missionários cristãos fazem “chover Bíblias” novamente sobre a Coréia do Norte

Missionários cristãos fazem “chover Bíblias” novamente sobre a Coréia do Norte
Um grupo de missionários cristãos se novamente na Coréia do Sul para lançar balões de gás com Novos Testamentos, folhetos com versículos bíblicos e outras mensagens cristãs para a Coreia do Norte. Foram preparados para o lançamento 30 balões, todos carregados com o material para divulgação da fé cristã aos habitantes da Coréia do Norte, país mundialmente conhecido por sua política de perseguição a grupos religiosos não controlados pelo estado.
- O evangelho é a boa notícia que irá salvar os galhos secos na Coreia do Norte, como uma chuva de boas-vindas – exclamou um dos missionários durante uma oração feita antes do lançamento.
O trabalho de lançamento dos balões foi feito pela Seoul EUA, uma ONG coreano-americana que lança material evangélico desta maneira de 70 a 80 vezes por ano. O trabalho, que aconteceu no dia 19 de julho, foi acompanhado de perto por soldados sul-coreanos, que visitaram o local de lançamento, como de costume, mas em menor número do que no ano passado.
De acordo com o Charisma News, devido a um problema no combustível dos balões, apenas 10 dos 30 balões preparados alçaram voo, apesar do clima favorável para o lançamento. Mas apesar do imprevisto, a equipe orou antes do lançamento agradecendo por terem sido enviadas 1.000 Bíblias e 90.000 folhetos ao país vizinho.
- Estes homens e mulheres mostram uma paixão pelo lançamento de balões, pois sabem que a Palavra de Deus é enviada nesses balões por suas mãos – escreveu um membro da Missão A Voz dos Mártires, que afirmou ainda: – Embora eles não possam entrar na Coreia do Norte, estes panfletos podem.
Para garantir a eficácia do trabalho, a ONG está utilizando dispositivos de rastreamento GPS acoplados aos balões. Esses aparelhos já confirmaram a localização precisa de vários de seus lançamentos este ano e as imagens fotográficas podem ser acompanhadas em seu site.
- Há muitos anos sabemos que os lançamentos de nossos balões têm atingido as áreas que planejamos por causa da resposta irada do governo norte-coreano, mas os dispositivos de GPS nos fornecem dados precisos que nos ajudarão a aumentar ainda mais a precisão dos lançamentos futuros – explica o Presidente da ONG, o pastor Eric Foley.
Estima-se que o regime norte-coreano ainda tenha mais de 70.000 cristãos aprisionados em campos de concentração. No país, uma pessoa pode ir para a prisão por toda a vida apenas pelo “crime” de possuir uma Bíblia.
Mais de 7.900 cópias do novo testamento já foram enviadas à Coreia do Norte em 2012.

Após cirurgia, operário atingido por vergalhão recebe alta e diz, “Deus estava comigo”

Após cirurgia, operário atingido por vergalhão recebe alta e diz, “Deus estava comigo”

O operário Eduardo Leite da Silva Duarte, que teve a cabeça perfurada por um vergalhão dois metros de comprimento que caiu do quinto andar do prédio onde trabalhava no Rio de Janeiro, recebeu alta na última quinta-feira, 30. O caso foi considerado um milagre pelos médicos, pois, apesar de Eduardo ter seu cérebro atingido pelo vergalhão, ele saiu totalmente lúcido do acidente. Crendo na intervenção divina, o operário, que é evangélico disse, “Deus estava comigo o tempo todo”.
Para a retirada do vergalhão, Eduardo passou por uma cirurgia de cinco horas. O chefe da neurocirurgia explicou que por apenas um centímetro o operário não ficou cego, por três centímetros não ficou tetraplégico, e ainda, que por mais cinco centímetros seu coração e pulmão não foram perfurados.
Ao sair do hospital Eduardo aproveitou para agradecer aos colegas de trabalho que o ajudaram na hora do acidente, e também à equipe médica responsável por sua cirurgia, “Se eles (colegas) não tivessem agido, eu não estava falando agora. E essa equipe médica está de parabéns!”. Ele ainda falou sobre a saudade da família e dos filhos, “Não vejo a hora de chegar em casa e abraçar meus dois filhos”.